ENDERMOTERAPIA - ENTENDA COMO ESSE PROCEDIMENTO PODE AJUDAR VOCÊ

ENDERMOTERAPIA - ENTENDA COMO ESSE PROCEDIMENTO PODE AJUDAR VOCÊ

Sabe aquela gordurinha que é muito difícil de eliminar até mesmo com exercícios físicos? Além da retenção de líquidos e da temida celulite? Você passa por isso? Pois é, eu entendo a sua preocupação e, por isso, hoje irei falar de uma das melhores formas para reduzi-las. 

A endermoterapia pode ajudar muito nesse processo e é bastante utilizado para amenizar a celulite e gordura localizada, especialmente na barriga, pernas e braços. Esse tipo de tratamento é feito com o uso de um aparelho específico capaz de estimular a circulação sanguínea e eliminar a celulite. Saiba o que é, como é feita, quando surgem os resultados e as contraindicações.

Continue acompanhando!

O que é endermoterapia e como é feita?

É um tratamento não invasivo que usa um aparelho composto por um sistema de sucção e dois rolos. Consiste na realização de uma massagem vigorosa, não causa dor e ajuda a eliminar a celulite. Esta técnica é bastante segura e pode ser realizada para diversos fins estéticos, sendo normalmente indicada para:

  • Tratamento da celulite

  • Tratamento da gordura localizada

  • Tonificação da pele

  • Melhora da silhueta

  • Após cirurgia plástica

  • Combate à retenção de líquido

Além disso, esse tipo de tratamento pode ajudar a desfazer as fibroses, que correspondem aos tecidos endurecidos que se formam por baixo da cicatriz, ou após a lipoaspiração quando a região tratada fica com pequenas ondulações onde a cânula passou.

Como funciona exatamente?

Também conhecida como endermologia e vacuoterapia, esse procedimento é feito a partir desse aparelho massageador. Os movimentos estimulam a circulação e promovem a drenagem linfática, o que diminui a celulite. Recomendado nos graus moderados e graves, o método ainda realiza uma leve esfoliação que elimina as células mortas no local em que é aplicado. Visualmente, a pele fica com menos irregularidades e com aparência renovada.

O tratamento consiste em 'sugar' a pele, promovendo um deslizamento e descolamento da pele e da camada de gordura, da fáscia que recobre os músculos para melhorar a circulação sanguínea, eliminando a retenção de líquidos, moldando o corpo e tornando a pele mais brilhante e macia.

Normalmente, a endermoterapia é feita por um profissional especializado. Cuide isso.

Quando surgem os resultados?

Não é na primeira sessão. Normalmente, os resultados da endermoterapia surgem após 10 a 15 sessões de 30 minutos e que devem ser realizadas cerca de duas vezes por semana. No entanto, a quantidade de sessões pode variar de acordo com o objetivo do tratamento e tamanho da região a ser tratada.

Contraindicações da endermoterapia

As contraindicações da endermoterapia são nos casos de trombose, infecções ou inflamações locais, problemas respiratórios, doenças renais e problemas no fígado, diabetes e problemas na circulação sanguínea.

Além destas contraindicações, as mulheres grávidas também não devem recorrer ao procedimento.

Geralmente, não causa complicações, no entanto pode ser que haja aumento da sensibilidade ou aparecimento de hematomas devido à sucção realizada na região, devendo informar esses efeitos ao profissional que realizou o tratamento.

Procure por profissionais especializados

Dra. Caroline Lipnharski

Médica dermatologista na Clínica Sense. Residência médica com título de especialista na área de dermatologia, especialista em Cosmiatria e Laser e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica.

Pré-Agendamento

Agendar por WhatsApp Agendar por telefone

Veja também

Agende uma consulta

(11) 2306-1192 | [email protected] |
Rua Fidêncio Ramos 160, 8º andar | Vila Olímpia – São Paulo – SP